quinta-feira, 20 de maio de 2010

A sombra


Sei que tens em ti, Ana
uma marca que
a paixão desenhou
quando amar foi
sentido e descoberta
naquele que te amou de fato
Sei que tens, Ana
Um mistério e uma sombra
que repousa no âmago
de teu desejo escondido
sei que tens algo
que as outra mulheres não tem
e que, por ser teu
te faz ser desejada.
Mas, Ana...não te escondas tanto
porque até a sobra
mostra quem é sua dona.
Não retenhas teu pejo
é mais sublime um belo quadro misterioso
que o mais belo segredo oculto

Nenhum comentário:

Postar um comentário