segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Sweet Dreams

Tantos sonhos de menina
e o doce luar na varanda
fazem com que a pequena
sonhe com a mãe cantando...

doces melodias tristes,
cantos do quotidiano,
canções da mãe d'água,
ao timbre seu cansado...

Deixa que te acalente, flor...
ouve o sonzinho das águas
que o vento te acaricia
e a chuva te embala...

Sou pequena, mãezinha,
tenho um medo sem tamanho
das sombras do escuro
e dos monstros da varanda.

Shi, fica quieta, menininha
já já a noite acaba...
sorri que vem outro sonho
cheio de doce e goiabada...

cheio de carinho e alegria...

Nenhum comentário:

Postar um comentário