quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Barreiras


Barreiras

Ninguém pode conter a dor,
por mais que doa ser assim.
A dor, quando vem, destroça
separa, fere, dói, enfim...

A dor está no homem grande,
está criança que cresce
Está na mãe que amamenta
as ilusões de seu feto...

Chorar não é vergonha, então
desde que seja humano...
As coisas que existem cá
são os nomes que lhe damos

e existem tantos nomes

Como é lágrima em francês?

Nenhum comentário:

Postar um comentário